Detalhes da Notícia

APPM faz lançamento do Projeto “Municípios: Prato Cheio para o Desenvolvimento” no Piauí

O projeto "Municípios: Prato Cheio para o Desenvolvimento” no Piauí é resultado de uma iniciativa da Confederação Nacional dos Municípios (CNM) em parceria com a Associação Piauiense de Municípios (APPM) e a cooperação de várias Instituições e diversos doadores em todo o Brasil. Nessa sexta-feira (23), o presidente da APPM, Paulo César Morais, participou do lançamento do programa em seis municípios do Território de Desenvolvimento Planície Litorânea, sendo eles:

Município / Quantidade de cestas

Caxingó 401

Cocal 946

Cocal dos Alves 407

Bom Princípio do Piauí 300

Caraúbas do Piauí 300

Murici dos Portelas 375

Com a colaboração de parceiros e apoiadores, foram entregues 2.729 kits de produtos alimentícios às famílias em situação de vulnerabilidade, agravadas com a crise provocada pela pandemia do coronavírus. A ação nos municípios do Piauí é executada in loco pela APPM em sintonia com os CRAS de cada cidade, e contemplará 55 Municípios piauienses, integrando primeira e segunda fase.

“A crise gerada pelo novo Coronavírus tem afetado diretamente as famílias mais vulneráveis do país. Os gestores municipais têm enfrentado o duplo desafio de manter a capacidade dos serviços de saúde e também o atendimento a uma demanda crescente da população mais carente de nosso Estado por auxílios sociais, tendo em vista que a principal medida de contenção para a doença – o isolamento social – provoca uma brusca diminuição das atividades econômicas. Iniciativas como a do projeto Prato Cheio são essenciais para minimizar essas dificuldades”, reforça Paulo César Morais, presidente da APPM.

Além de beneficiar as famílias carentes, o projeto também prioriza a compra dos produtos no comércio local, contribuindo assim com as vendas nas pequenas empresas e cooperando para que a economia seja aquecida.

No Piauí estão sendo realizadas,  no momento, a primeira e a segunda fase. As primeiras ações sociais de entrega das cestas foi realizada obedecendo todos os protocolos de segurança sanitária, e já está sendo programada a continuidade da ação nos demais municípios. A meta do Projeto é que sejam realizadas 3  etapas, e dependendo da quantidade de doações arrecadadas será possível ocorrerem mais fases.

O projeto tem como público-alvo os municípios com menos de 50 mil habitantes e IDH baixo, que se caracterizam como os mais vulneráveis do país e que tem maior dificuldade de acesso às políticas sociais. Com isso, o projeto pretende, ao final de sua implementação, beneficiar 3.399 Municípios e cerca de 1.3 milhão de famílias distribuídas por todo o país. Ressalta-se, também, que o Prato Cheio fortalece e incentiva a cultura de doações por meio do estímulo à compra no comércio local e facilita o acesso por meio do cartão Alelo.

Confira a relação dos 55 municípios contemplados no Estado na primeira e segunda fase do projeto: São Francisco de Assis do Piauí, Caxingó, Betânia do Piauí, Cocal, Cocal dos Alves, Assunção do Piauí, Acauã, Alagoinha do Piauí, Aroeiras do Itaim, Batalha, Belém do Piauí, Bom Princípio do Piauí, Bonfim do Piauí, Brejo do Piauí, Cajueiro da Praia, Campinas do Piauí, Campo Alegre do Fidalgo, Campo Largo do Piauí, Caracol, Caraúbas do Piauí, Caridade do Piauí, Coronel José Dias, Currais, Curral Novo do Piauí, Dom Inocêncio, Domingos Mourão, Flores do Piauí, Floresta do Piauí, Gilbués, Guaribas, Itainópolis, Jacobina do Piauí, Jaicós, Joaquim Pires, Joca Marques, Lagoa Alegre, Lagoa de São Francisco, Lagoa do Barro do Piauí, Lagoa do Sítio, Luís Correia, Luzilândia, Massapê do Piauí, Miguel Alves, Morro Cabeça no Tempo, Morro do Chapéu do Piauí, Murici dos Portelas, Nossa Senhora dos Remédios, Novo Santo Antônio, Padre Marcos, Paquetá, Pau d'Arco do Piauí, Pavussú, Porto, Queimada Nova, Riacho Frio, Ribeira do Piauí, Santa Filomena, São João da Fronteira, São João do Arraial, São José do Piauí, São Miguel do Fidalgo, Sebastião Barros, Tamboril do Piauí, Vera Mendes e Wall Ferraz.

Para saber mais sobre o Prato Cheio e identificar se seu município será contemplado na próxima fase, fique atento às divulgações no site e não perca os prazos para o cadastro. www.pratocheio.cnm.org.br


26 de Abril de 2021 13:41

APPM

Associação Piauiense de Municípios - APPM

  • Atendimento de segunda a sexta entre 7:30 - 13:30.
    Av. Pedro Freitas, 2000 - Vermelha, Teresina - PI, CEP: 64018-900
  • Telefone: (86) 2107-7900 / 2107-7919
  • E-mail: institucional@appm.org.br

Desenvolvido por STS Informática