Detalhes da Notícia

Governo do Estado amplia restrições por dois fins de semana

O governador Wellington Dias também anunciou retomada de atividades econômicas para 6 de julho


 

O governador Wellington Dias anunciou, na última quinta-feira (25), a adoção de medidas mais rígidas nos próximos dias a fim de conter o avanço do novo coronavírus no Estado. Ficou decidido que o funcionamento de serviços essenciais será mais restrito nesta sexta (26), sábado (27) e domingo (28), e, também, de quinta (2) a domingo (5) da próxima semana.

A reabertura das atividades econômicas está prevista partir do dia 6 de julho. “As medidas foram estabelecidas em entendimento com o prefeito Firmino Filho e o presidente da APPM, Jonas Moura. Para que possamos flexibilizar a outros setores, a partir de 6 de julho, será preciso algumas medidas rígidas para as próximas duas semanas com o intuito de buscar frear a disseminação do coronavírus”, pontua Wellington.

Nesta sexta-feira (26) e nas próximas quinta-feira e sexta-feira, 2 e 3 de julho, será decretado ponto facultativo nos órgãos públicos estaduais e foi feita a mesma recomendação para os municípios, além de maior restrição às atividades essenciais no final de semana. O Governo irá disponibilizar 3.200 pessoas para fiscalizar o cumprimento do isolamento social nos municípios.

O governador acrescenta que as medidas restritivas dão resultado para alcançar o patamar de isolamento de 55%, por isso não será necessário decretar um lockdown. “Para o fechamento total, teríamos que optar por uma intervenção com as forças armadas e acho que a democracia não condiz com isso. Não é fácil chegar a esse nível de isolamento (de 55%), mas é possível”, pondera.

Dias pretende, ainda, adotar a política de aplicação de multa para quem não utiliza máscaras em espaços públicos. “As equipes que vão a campo verificaram que muitas pessoas não estão usando máscara, mas esse equipamento de proteção individual protege tanto quem usa quanto as outras pessoas. Portanto, teremos que chegar a esse ponto de aplicar advertência seguida de multa”, explica.

Está prevista para o dia 6 de julho, a primeira etapa de retomada de atividades. A cada 15 dias, fica autorizada novas etapas, após análise do nível de risco. “Já estamos com mais de 90 dias (em quarentena) e sei da dificuldade e do esforço de todos. Entramos juntos e vamos prosseguir juntos, com a participação e compreensão de todos. Já estamos bem próximos para a plena implantação do Pro Piauí”, frisa o governador.

Confira os decretos nº 19.051 e nº 19.054.
 

Com informações do Governo do Piauí.


26 de Junho de 2020 17:25

APPM

Associação Piauiense de Municípios - APPM

  • Atendimento de segunda a sexta entre 7:30 - 13:30.
    Av. Pedro Freitas, 2000 - Vermelha, Teresina - PI, CEP: 64018-900
  • Telefone: (86) 2107-7900 / 2107-7919
  • E-mail: institucional@appm.org.br

Desenvolvido por STS Informática