(86) 2107-7900 / 2107-7919      

Vila Nova do Piauí sedia 7º Encontro da Associação de Municípios do Vale do Itaim (AMVI)

A cidade de Vila Nova do Piauí sediou o 7º Encontro da Associação de Municípios do Vale do Itaim (AMVI). O encontro aconteceu na tarde da última sexta-feira (07/06) , no Ponto  de Cultura Cidade Poesia, localizado na avenida central do município.

A AMVI tem como presidente o prefeito de Caridade do Piauí, Antoniel de Sousa Silva (Toninho) e como vice-presidente o prefeito de Vila Nova do Piauí, Edilson Edmundo de Brito.

Na abertura da reunião a comunidade vilanovense executou o do hino da cidade; logo depois, aconteceu a apresentação cultural do grupo de Hip Hop, New Class, e do grupo de dança da Companhia de Ballet Alê Dance.

A pauta do encontro tratou das pautas municipalistas que mais têm movimentado o cenário nacional, como o 1% de setembro (PEC) 391/2017; sessão onerosa e reforma da previdência; planejamento municipal  com base nos objetivos de Desenvolvimento sustentável; além da explanação de dirigente do Banco do Nordeste, que falou sobre parcerias com os municípios.

A reunião foi presidida pelo presidente da AMVI e prefeito de Caridade do Piauí, Toninho, tendo como palestrante o presidente da Associação Piauiense de Municípios (APPM), Jonas Moura, que fez explicações sobre a as questões abordadas no encontro.

“Tivemos uma reunião muito positiva onde foi um momento de esclarecer as dúvidas dos mais de 18 prefeitos que estiveram presentes. Parabenizo a organização por mobilizar todos os gestores municipais. Quero dizer que são momentos como este que fortalecem o municipalismo. Existem muito desafios para serem superados, e a nossa classe estando unida fortalece o discurso em favor das causas municipalistas”, ressaltou o presidente da APPM.

De acordo com o presidente da APPM, entre os inúmeros desafios impostos às municipalidades está a redução das parcelas do FPM em relação às do ano passado. Citou, ainda, casos como o do pré-sal, que tem sido explorado e, no entanto, há questões de maior urgência como o abastecimento de água e que não ganha prioridade como se deveria.

“Se já não dava no ano passado imagine neste ano que as coisas aumentaram, tem custo maior e os municípios recebem menos. Hoje se retira petróleo de uma profundidade de 5 mil metros abaixo do nível do mar e não se consegue colocar água para abastecer uma cidade de 2 ou 3 mil habitantes, que é uma área imprescindível para a vida humana e para o desenvolvimento das cidades. São questões como essa que têm que se achar soluções urgentes. Como presidente da APPM já solicitamos o reforço do DNOCS, da SUDENE, pedimos a retomada do Programa Minha Casa Minha Vida e a retomada da Transnordestina”, destacou.

Sobre a sessão onerosa, Jonas Moura destacou que o estados e municípios que antes estavam sendo excluídos dos royalties do petróleo passarão a ser beneficiados, mediante a aprovação do Congresso, com 30% do valor total, sendo metade para os estados e metade para o municípios.

A AMVI atualmente é composta por 21 municípios. Na sua fala, o prefeito de Caridade e presidente da Associação, Toninho, disse que mesmo sendo recém criada, a entidade realiza reuniões frequentes com o intuito de incentivar o trabalho em conjunto buscando melhorias para a região.

“Conseguimos unificar esse entendimento com os colegas prefeitos no intuito de aperfeiçoar as gestões através de palestras, debate de ideias e a aproximação de políticos nacionais e estaduais para que se tenha mais facilidade para trazer benefícios para a nossa região”, ressaltou

Além do presidente da APPM, Jonas Moura, estiveram presentes à reunião da AMVI os deputados estaduais Georgiano Neto e Nerinho; o ex-presidente da APPM e ex-prefeito de Vila Nova, Arinaldo Leal;e os prefeitos de Caridade, Toninho; Vila Nova do Piauí, Edilson Brito; Marcolândia, Chico Pitu; Massapê, Chico Carvalho; Padre Marcos, José Valdinar; Santa Cruz do Piauí, Barroso Neto; Belém do Piauí, Ademar Aluísio; Jacobina do Piauí, Gederlânio Rodrigues; Jaicós, Neném de Edite; Campo Grande do Piauí, João Batista; Caldeirão Grande, João Vianney;  Santo Inácio do Piauí, Tairo Mesquita;  São Luiz do Piauí, Renato Pio; Alegrete do Piauí, Márcio Alencar; Patos do Piauí, Agenilson Dias; Queimada Nova, Raimundo Júlio; o assessor de projetos especiais, Raimundo Leite, representando o prefeito de Simões, autoridades municipais e a sociedade local.

Com informações e imagens do portal Cidades na Net.